Te Levo Pro Conjunto Marumbi – Dicas e informações

Saiba como foi A aventura NO Conjunto Marumbi: Parte 1 e Parte 2.

Precisamos de 2 posts pra falar tudo que passamos por esse lugar incrível, agora queremos te dar todas as informações pra você poder ter a mesma experiência que tivemos. Você que gosta de montanha, não pode deixar o Marumbi de fora do seu roteiro.

Conjunto Marumbi

Conjunto Marumbi

CONJUNTO MARUMBI:

Berço do montanhismo brasileiro, possui característica incomum às trilhas que normalmente encontramos por aí. Seus desfiladeiros, paredões de rochas, subidas e descidas íngremes com grampos, correntes e cordas tornam esse lugar fascinante, técnico, cansativo e difícil. A principal dificuldade aqui não é a distância, os cumes são próximos entre si, e exatamente por isso, se sobe com inclinação alta e se desce na mesma inclinação, pelos desfiladeiros.

Montanhas e como acessar:

  •     Olimpo (1.539 m.)
  •     Boa Vista (1.491 m.)
  •     Gigante (1.487 m.)
  •     Ponta do Tigre (1.400 m.)
  •     Esfinge (1.378 m.)
  •     Torre dos Sinos (1.280 m.)
  •     Abrolhos (1.200 m.)
  •     Facãozinho (1.100 m.)
  •     Rochedinho (625 m).

As trilhas Rochedinho/Azul e Facãozinho/Amarela estão interditadas para recuperação ambiental. Pela trilha Noroeste/Vermelha é possível acessar a maior parte dos cumes, e é a trilha de dificuldade alta, pela trilha Frontal/Branca, dificuldade média,  é possível ir direto pro pico mais alto (Olimpo).  o nosso percurso foi subir pela trilha Noroeste e descer pela Frontal, demoramos 14 horas e atingimos os picos: Abrolhos, Gigante, Ponta do Tigre e Olimpo. É possível fazer esse percurso o contrário, subir pela Frontal e descer pela Noroeste. Isso vai depender do que você prefere, eu não indicaria descer a Noroeste que é mais difícil depois de chegar ao Olimpo cansado, a Noroeste tem uma quantidade enorme de grampos, descer eles não é fácil.

As trilhas e picos do Conjunto Marumbi

COMO CHEGAR:

Trem: uma ótima opção turística (Estação Curitiba x Estação Marumbi). Sim, descendo na Estação Marumbi você está praticamente na saída para as trilhas. Problemas: existe apenas um horário de ida e um de volta. Tem que planejar direito a viagem, a única opção é ficar no Camping, não tem nenhum outro tipo de hospedagem próximo.

Carro: Pela BR-277, seguir pela estrada da Graciosa, estacionar antes do posto do IAP (estacionamento). Ou se tiver carro 4×4 dá pra diminuir o percurso em 4kms e estacionar na Estação Eng. Lange. Dessa estação, você segue mais 1 km caminhando até a Estação Marumbi.

O que fizemos:  Fomos de carro com uma amiga de Curitiba e paramos no estacionamento. Após a trilha, ela nos deixou em Morretes, e voltamos de trem para Curitiba (Morretes x Curitiba).

2016-06-29 16.17.14-1

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

Gasolina de Curitiba ao Marumbi (só a ida): R$ 20,00.

Estacionamento perto do IAP: R$ 10,00

Porto Real Hotel (Morretes): R$ 150,00 (quarto duplo)

Trem Turístico (Morretes x Curitiba): R$ 81,00 para cada. – http://www.serraverdeexpress.com.br

*Recomendamos o Restaurante Empório do Largo para comer o Barreado (comida típica) em Morretes.

DICAS PARA A TRILHA:

 

2016-06-25 10.54.32

Pico do Abrolhos

  • A trilha Noroeste/Vermelha é pra quem está acostumado a fazer trilhas, ela é realmente difícil. Mesmo assim, se você se aventurar nela e achar que não vai conseguir continuar, é possível visitar o cume Abrolhos e voltar. Se for abortar a missão, aborte nesse momento. O cume Abrolhos é maravilhoso;
  • Vá com mochila com todos os itens obrigatórios de segurança, lá venta e faz frio: Anorak, fleece, protetor de orelha (buff, faixa de cabeça), calça, calçado apropriado, primeiros socorros, lanterna, cobertor de emergência, comida suficiente para muitas horas, água (difícil encontrar pontos de abastecimento), protetor solar;
  • Não é possível fazer o percurso com chuva ou tempo fechado. No mínimo, suicida;
  • Se cadastrar no posto do IAP, antes de iniciar a trilha. De extrema importância para sua segurança;
  • Escrever nos caderninhos que estão nos cumes. Vimos um no Abrolhos e um no Olimpo;
  • Iniciar a trilha muito cedo, não queira fazer a descida no escuro como a gente. Lembre-se que iniciamos as 6h30 e terminamos no escuro.
2016-06-25 10.51.32

Caderninho do Abrolhos

No topo do Olimpo

No topo do Olimpo

CLIQUE AQUI – Conjunto Marumbi – Pra ficar na memória – Parte 1
CLIQUE AQUI – Conjunto Marumbi – Pra ficar na memória – Parte 2

2 comentários sobre “Te Levo Pro Conjunto Marumbi – Dicas e informações

Deixe seu comentário